Como ler nos transportes públicos – Librópatas

Uma das coisas que eu mais gosto sobre ter que pegar um trem ou um avião é pensar o tempo todo que eu vou ter que ler. Especialmente no avião, onde no final eu não vou atender a qualquer outra distração, o passeio é quase como uma garantia de leitura (um pouco estranho, no caso de alguns planos…) e tempo sagrado para fazer isso. Os meios de transporte que eu tenho tido de livros que eu tinha que terminar de ler qualquer coisa do trabalho, mas que sempre acabavam procrastinação em casa, até mesmo os livros que eu estava tão ansiosa para ler o que eu queria nesse momento a certeza de leitura que me deu o trem ou avião. Quando eu morava em uma cidade em que eu tinha que fazer uma longa viagem de metro para chegar ao trabalho, que o tempo foi um momento muito sagrado para ler, e não houve maior drama que acabarme meu livro antes do fim de minha jornada.

E, possivelmente, a leitura deste muitos de vocês devem ter se sentido muito identificado com as minhas palavras, porque para os leitores regulares sobre o transporte público, independentemente da opção escolhida e a distância percorrida, é um dos espaços preferidos para leitura. Como tem sido demonstrado em um estudo do Kindle, da Amazon, sobre os hábitos de leitura nos transportes públicos, 47,32% do espanhol que é considerado para ser um leitor regular diz de leitura entre os 3 e os 10 livros a cada ano em suas viagens para o transporte público.

Para ler no metrô, ônibus ou a distância média que leva você a partir de uma cidade para outra, o ebook é o tipo de livro preferido. De acordo com os dados do estudo, o 52,17% dos espanhóis reivindicações para leitura em formato digital , quando ele vai no transporte público. Leia mais no e-homens (54,06%) do que mulheres (50,29%), enquanto viajavam nos transportes públicos. O ebook é escolhido porque é mais confortável para a leitura (ele diz isso no 44,49% dos leitores de digitais) e porque ele permite que você carregue mais do que um livro com uma, enquanto viajando (33,76%).

E o que nós lemos, enquanto nós usamos o transporte público? O gênero rei, é o romance histórico, que é o que lê a 30,12% dos entrevistados. Isto é seguido pela polícia (25%) e o romântico (18,70%).

foto