Categoria NEWS

Edital do Concurso Polícia Penal BA 2024 Publicado: 287 Vagas Disponíveis!

O edital do concurso da Polícia Penal BA, organizado pela Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização da Bahia, foi oficialmente lançado, oferecendo um total de 287 vagas imediatas.

As oportunidades são para ampla concorrência, pessoas com deficiência e candidatos negros, com exigência de escolaridade de nível médio. O salário inicial chega a R$ 4.478,31 para uma carga horária de 40 horas semanais.

As inscrições devem ser realizadas entre 17 de junho e 18 de julho, no site da banca organizadora FGV, com uma taxa de R$ 90,00. As provas estão programadas para 15 de setembro.

Detalhes das Vagas

  • Cargo: Agente Penitenciário (atual Policial Penal)
  • Total de Vagas: 287

O salário inicial para o cargo de Agente Penitenciário, com uma carga horária de 30 horas semanais, é de R$ 2.601,04, composto pelo vencimento de R$ 1.863,20 e uma Gratificação de Serviços Penitenciários (GSP) de R$ 737,84. Com uma carga horária de 40 horas semanais, o salário pode alcançar R$ 4.478,31.

Para se candidatar ao concurso, é necessário cumprir os seguintes requisitos:

  • Ter certificado de conclusão do ensino médio por instituição reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) ou possuir formação técnica profissionalizante de nível médio.
  • Idade mínima de 18 anos.
  • Possuir uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) válida, no mínimo categoria B.

Etapas e Avaliações

Os candidatos passarão pelas seguintes fases de avaliação:

  1. Provas Objetivas: Caráter eliminatório e classificatório.
  2. Prova Discursiva: Caráter eliminatório e classificatório.

Adicionalmente, haverá Procedimento de Heteroidentificação para candidatos negros e Perícia Médica para candidatos com deficiência.

Exames Pré-Admissionais

Os Exames Pré-Admissionais, que incluem exames médicos, testes físicos, exames psicológicos e investigação social, serão realizados após a divulgação e homologação do resultado final. Estes exames, junto com o Curso de Formação, são de responsabilidade da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização do Estado da Bahia. A aprovação nos exames é necessária para o ingresso no Curso de Formação como Aluno Agente.

Provas Objetivas

A prova objetiva consistirá de 80 questões de múltipla escolha, cada uma com cinco alternativas, sendo apenas uma correta. Para ser aprovado, o candidato deve obter no mínimo 48 pontos.

As provas serão realizadas nas cidades de Salvador, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Juazeiro, Barreiras, Itabuna, Paulo Afonso, Jequié e Teixeira de Freitas, das 13h às 18h.

Módulo 1: Conhecimentos Básicos

  • Língua Portuguesa: 10 questões
  • Raciocínio Lógico Matemático: 5 questões
  • Noções de Informática: 5 questões
  • Legislação Estadual: 5 questões
  • Promoção da Igualdade Racial e de Gênero: 5 questões

Módulo 2: Conhecimentos Específicos

  • Noções de Direito Constitucional: 10 questões
  • Noções de Direito Administrativo: 8 questões
  • Noções de Direito Penal: 6 questões
  • Noções de Direito Processual Penal: 8 questões
  • Legislação Extravagante: 10 questões
  • Direitos Humanos: 8 questões

Prova Discursiva

A prova discursiva será realizada no mesmo dia e horário das provas objetivas, consistindo em uma redação dissertativo-argumentativa de até 30 linhas, valendo 20 pontos. O tema será relacionado a questões atuais relevantes para o cargo. Será considerado aprovado o candidato que alcançar no mínimo 12 pontos.

Processo Seletivo 2024 do Ministério da Cultura do Brasil: 99 Vagas para Profissionais de Nível Superior com Salários de até R$ 6.130,00

O Ministério da Cultura do Brasil anunciou a abertura de um processo seletivo simplificado para o ano de 2024, ofertando 99 vagas para profissionais com formação superior.

Este processo visa preencher posições de complexidade intelectual e de suporte técnico, com salários que podem chegar até R$ 6.130,00.

Os interessados deverão efetuar suas inscrições entre 10 e 30 de junho de 2024, e as provas estão previstas para serem aplicadas em 28 de julho do mesmo ano.

Detalhamento das Vagas

  • Técnicas de Complexidade Intelectual: 57 vagas com salário de R$ 6.130,00.
  • Técnicas de Suporte: 42 vagas com salário de R$ 3.800,00.

Requisitos para Candidatura

Os candidatos devem atender a uma série de requisitos:

  • Escolaridade: Possuir diploma de ensino superior conforme especificado no edital.
  • Aprovação no processo seletivo: Ser aprovado nas etapas do processo seletivo.
  • Nacionalidade e direitos políticos: Ser brasileiro ou português (neste último caso, é necessário estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre Brasileiros e Portugueses com direitos políticos reconhecidos).
  • Obrigações militares e eleitorais: Estar em dia com as obrigações militares, para candidatos brasileiros do sexo masculino, e com as obrigações eleitorais.
  • Idade e capacidade física e mental: Ter no mínimo 18 anos na data de contratação e ser apto física e mentalmente para o desempenho das funções.
  • Restrições de contratação: Não estar impedido por lei e não ter sido contratado como temporário pelo governo federal nos últimos 24 meses.
  • Outros: Não ser sócio ou administrador de empresas privadas, incluindo Microempreendedores Individuais (MEI).

Inscrição

O processo de Inscrições para o Concurso Público Ministério da Cultura 2024 será realizado exclusivamente online através do site oficial Ministério da Cultura, seguindo o cronograma estabelecido.

Os candidatos deverão preencher um formulário online, enviar a documentação necessária e pagar a taxa de inscrição por meio de uma Guia de Recolhimento da União (GRU), que é aceita em bancos, casas lotéricas e correspondentes bancários.

Etapas do Processo Seletivo

O processo seletivo será dividido em duas etapas principais:

  1. Prova Objetiva: Composta por 60 questões de múltipla escolha, divididas entre conhecimentos específicos, língua portuguesa, gestão pública e atualidades, e direito administrativo.
  2. Prova Discursiva: Consistirá em uma redação de até 30 linhas, abordando temas relacionados aos conhecimentos específicos.

Este processo seletivo oferece uma excelente oportunidade para profissionais qualificados que buscam ingressar no serviço público na área da cultura, oferecendo remunerações competitivas e a chance de contribuir para o desenvolvimento cultural do país.

Concurso PMERJ 2024: Inscrições Abertas para 100 Vagas de Oficial. Saiba Mais!!

Estão oficialmente abertas as inscrições para o concurso PMERJ 2024 Oficial (Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro), oferecendo um total de 100 vagas para o cargo de Oficial.

Os interessados têm até o dia 20 de maio para se candidatarem, por meio do site da FGV, ao custo de R$ 206,00. A realização da prova objetiva está agendada para o dia 14 de julho.

As vagas exigem formação de nível superior em Direito e apresentam uma remuneração inicial de R$ 4.127,16, no cargo de Aluno Oficial, podendo atingir R$ 10.348,18 ao alcançar o posto de 2º Tenente.

Os candidatos devem ter idade mínima de 18 anos e máxima de 32 anos até o primeiro dia de inscrição no certame, além de atenderem aos requisitos de altura mínima, estabelecidos em 1,65m para homens e 1,60m para mulheres.

Em relação à seleção de Soldado, que está em andamento, foram recentemente divulgados os gabaritos das provas, realizadas em 07 de abril sob a organização da FGV.

Este processo seletivo oferta 2 mil vagas para o cargo de Soldado, com exigência de nível médio e idade máxima de 32 anos. O salário inicial para essa posição é de R$ 5,2 mil. Ademais, de acordo com a demanda de inscritos, foram registradas quase 120 mil candidaturas.

Cargos, Vagas e Etapas do Concurso PMERJ Oficial

O concurso PMERJ Oficial (Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro) oferece oportunidades para candidatos com nível superior. Confira os detalhes dos cargos, vagas e etapas do certame:

Cargos e Vagas

Cargo: Oficial da PM (QOPM)

Ampla concorrência Negros e indígenas Hipossuficientes Salário inicial
Oficial da PM (QOPM) 70 20 10 R$ 10.348,18 (2º Tenente)

Etapas do Concurso

Os candidatos do concurso PMERJ serão avaliados por meio das seguintes etapas:

  1. Prova Objetiva: Avaliação de caráter classificatório e eliminatório.
  2. Prova Discursiva: Etapa classificatória e eliminatória.
  3. Preenchimento da FIC e Verificação de Requisitos: Etapa eliminatória.
  4. Exame Antropométrico: Avaliação de caráter eliminatório.
  5. Teste de Aptidão Física: Etapa eliminatória.
  6. Exame Psicológico: Avaliação eliminatória.
  7. Exame de Saúde: Etapa eliminatória.
  8. Exame Social e Toxicológico: Avaliação eliminatória.
  9. Avaliação Documental: Etapa eliminatória.

Provas do Concurso

  • Prova Objetiva: Será aplicada em 14 de julho, no período da tarde, composta por 80 questões de múltipla escolha, abordando diferentes disciplinas relacionadas à área.
  • Prova Discursiva: Agendada para 15 de setembro, essa etapa contará com quatro questões dissertativas, cada uma com valor máximo de 5 pontos.
  • Teste de Aptidão Física: Composto por diferentes exercícios, conforme os padrões estabelecidos para candidatos do sexo masculino e feminino.

Os candidatos devem atingir pontuação mínima em cada etapa e seguir os requisitos especificados para garantir sua aprovação no processo seletivo.

Tudo Sobre o Concurso Novacap DF 2024: Inscrições, Requisitos para Candidatura e Detalhes das Provas

O Concurso Novacap DF 2024 acaba de ter seu edital lançado, trazendo uma oportunidade empolgante para profissionais de diversas áreas. Organizado pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil, o concurso oferece um total de 120 vagas efetivas, além de 360 vagas para cadastro de reserva, abrangendo cargos que requerem formação de níveis Médio, Técnico e Superior. Um dos atrativos significativos do concurso é a remuneração, que pode chegar a R$ 10.800,00. As inscrições estão programadas para o período de 17 de abril a 20 de maio de 2024, sob a gestão da Banca Quadrix, e as provas estão previstas para serem realizadas nos dias 23 e 30 de junho de 2024.

Detalhamento do Edital Concurso Novacap 2024:

O concurso visa preencher vagas em diversas especialidades, sendo estas destinadas a candidatos de diferentes níveis educacionais. Veja abaixo as principais informações sobre os cargos oferecidos, o número de vagas, reservas para cadastro e salários:

  • Nível Médio:
    • Cargo: Técnico Administrativo
    • Vagas: 15 imediatas + 45 CR
    • Salário: R$ 4.942,94
  • Nível Técnico:
    • Cargo: Técnico Agrícola
    • Vagas: 6 imediatas + 18 CR
    • Salário: R$ 4.942,94
    • Cargo: Técnico em Edificações
    • Vagas: 8 imediatas + 24 CR
    • Salário: R$ 4.942,94
    • Cargo: Técnico em Segurança do Trabalho
    • Vagas: 2 imediatas + 6 CR
    • Salário: R$ 4.942,94
  • Nível Superior:
    • Cargo: Administrador
    • Vagas: 6 imediatas + 18 CR
    • Salário: R$ 7.975,28
    • Cargo: Advogado
    • Vagas: 10 imediatas + 30 CR
    • Salário: R$ 10.800,00
    • Cargo: Analista de Sistemas – Infraestrutura
    • Vagas: 4 imediatas + 12 CR
    • Salário: R$ 7.975,28
    • Cargo: Analista de Sistemas – Manutenção e Sustentação
    • Vagas: 4 imediatas + 12 CR
    • Salário: R$ 7.975,28
    • Cargo: Arquiteto
    • Vagas: 16 imediatas + 48 CR
    • Salário: R$ 10.800,00
    • Cargo: Contador
    • Vagas: 4 imediatas + 12 CR
    • Salário: R$ 7.975,28
    • Cargo: Engenheiro
    • Vagas: 43 imediatas + 129 CR
    • Salário: R$ 7.975,28
    • Cargo: Médico do Trabalho
    • Vagas: 3 imediatas + 6 CR
    • Salário: R$ 7.975,28

Este concurso também se destaca pelo seu compromisso com a inclusão, reservando 20% das vagas para Pessoas com Deficiência (PcD), 20% para candidatos negros e 10% para candidatos Hipossuficientes, conforme estipulado por decreto.

Requisitos para a Investidura nos Cargos:

Os candidatos aprovados no concurso deverão cumprir diversos requisitos para assumirem seus cargos, tais como possuir nacionalidade brasileira ou portuguesa (com direitos políticos no Brasil), estar em dia com as obrigações militares e eleitorais, ter idade mínima de 18 anos completos na data da posse, além de possuir aptidão física e mental. É necessário também apresentar a documentação exigida no edital e realizar exames médicos à própria custa.

No momento da contratação, é imperativo possuir as qualificações exigidas para o emprego público. A idade mínima de 18 anos completos na data da posse é um pré-requisito, assim como a aptidão física e mental para desempenhar as funções do cargo. Os candidatos deverão apresentar os documentos solicitados no edital e, por conta própria, realizar os exames laboratoriais e complementares necessários para a inspeção médica oficial. Cumprir todas as determinações do edital é essencial para a contratação.

Inscrição

O período de inscrição para o Concurso Novacap DF está definido de 17 de abril a 20 de maio de 2024. Os interessados devem realizar a inscrição online, acessando o endereço eletrônico da Banca Quadrix. As taxas de inscrição são de R$ 60,00 para cargos de Nível Médio/Técnico e R$ 80,00 para cargos de Nível Superior. Existem condições sob as quais os candidatos podem solicitar isenção total da taxa, incluindo ser doador de sangue, beneficiário de programas sociais do GDF, eleitor convocado pela Justiça Eleitoral do Distrito Federal, Comissário ou Agente de Proteção da Infância e da Juventude, e pessoa com Deficiência economicamente carente. Além disso, há isenção parcial para cadastrados como possíveis doadores de medula óssea. Os pedidos de isenção podem ser feitos de 02 a 05 de abril de 2024, através do site da Banca Quadrix.

Etapa de Avaliação

O processo de seleção para o Concurso Novacap DF compreende duas etapas: uma Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório para todos os cargos, e uma Prova Discursiva, também eliminatória e classificatória, mas somente para cargos de Nível Superior. A prova objetiva consistirá em 120 questões, distribuídas entre Conhecimentos Básicos, Complementares e Específicos. Já a prova discursiva envolverá a elaboração de um Texto Dissertativo sobre temas relacionados aos conhecimentos específicos do cargo. As provas serão realizadas exclusivamente em Brasília/DF, mas, dependendo da capacidade das unidades escolares, podem ocorrer em outras localidades do Distrito Federal.

Concurso CNU 2024: Oportunidades de Nível Médio no Bloco 8

As inscrições para o tão aguardado Concurso Público Nacional Unificado (CPNU) começaram em 19 de janeiro, oferecendo um total de 6.640 vagas em diversas áreas do governo federal, divididas em 8 editais que contemplam diferentes níveis de escolaridade. Um dos destaques do concurso é o Bloco 8 – Nível Intermediário, que reserva 692 vagas exclusivas para candidatos com formação de nível médio e técnico.

Salários Atrativos para Cargos de Nível Médio

Os salários iniciais para os cargos de nível médio no CNU variam de R$ 4.008,24 a R$ 7.436,29, tornando essa oportunidade especialmente atrativa para quem deseja ingressar em instituições renomadas, como a Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e o Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA). Os candidatos têm a flexibilidade de se candidatar a cargos em todos esses órgãos, indicando suas preferências durante o processo de inscrição.

Diversidade de Cargos no Bloco 8

No Bloco 8, os cargos disponíveis incluem Técnico em Indigenismo, Técnico em Informações Geográficas e Estatísticas (em várias regiões do país), além de Agentes de atividades agropecuárias e de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal, bem como Técnico de Laboratório.

Requisitos de Formação para Cada Cargo

Os requisitos específicos para cada cargo variam, mas a maioria exige formação em nível médio ou técnico em áreas relacionadas.

Etapas de Seleção e Provas

Os candidatos de nível médio serão submetidos a provas objetivas e de redação, programadas para o dia 5 de maio de 2024, realizadas em 220 municípios brasileiros. Além disso, haverá uma prova de títulos, que terá caráter classificatório.

Prazos de Inscrição e Taxa

As inscrições estão abertas até 9 de fevereiro de 2024, com uma taxa de inscrição de R$ 60,00.

Concurso Anvisa: Edital Divulgado para 50 Vagas com Salário de R$ 16,4 mil

O aguardado edital do concurso Anvisa 2024 finalmente foi publicado, trazendo consigo um cronograma definido. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária oferece 50 vagas para o cargo de Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária, com uma remuneração inicial de R$ 16.413,35.

Inscrições

As inscrições podem ser feitas no período de 22 de janeiro a 16 de fevereiro de 2024, exclusivamente pelo site da banca organizadora http://www.cebraspe.org.br/concursos/anvisa_24. As provas estão previstas para acontecer em 21 de abril de 2024.

Para efetuar a inscrição, os candidatos devem acessar o site http://www.cebraspe.org.br/concursos/anvisa_24, dentro do período de 22 de janeiro a 16 de fevereiro de 2024. A taxa de inscrição é de R$ 160,00 e deve ser paga até 6 de março de 2024.

A isenção total da taxa de inscrição está disponível apenas para candidatos que se enquadrem em critérios específicos, como estar inscrito no CadÚnico, conforme os decretos federais nº 6.593/2008 e nº 1.016/2022, ou ser doador de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde, de acordo com a Lei nº 13.656/2018.

Remuneração

A remuneração inicial para o cargo de Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária é de R$ 16.413,35, de acordo com o edital publicado. O plano de carreira e remuneração segue a Lei n. 10.871/2004, que abrange todas as agências reguladoras e varia conforme o cargo e a posição do servidor na carreira. Além do salário, os benefícios incluem auxílio alimentação no valor de R$ 658,00, auxílio transporte calculado conforme a Medida Provisória nº 2.165-36, de 2001, e assistência à saúde, conforme a Portaria Normativa SEGRT/MP nº 1, de 9 de março de 2017.

Cargos

O concurso Anvisa oferece 50 vagas para o cargo de Especialista em Regulação e Vigilância Sanitária, divididas em quatro áreas distintas, cada uma com requisitos específicos de formação. A distribuição das vagas é a seguinte:

  • Área 1: 03 vagas – Engenharia Química, Química, Bioquímica, Engenharia de Materiais, Engenharia Mecânica ou Engenharia Agronômica.
  • Área 2: 39 vagas – Farmácia.
  • Área 3: 05 vagas – Biologia, Enfermagem, Odontologia, Biomedicina, Fisioterapia ou Veterinária.
  • Área 4: 03 vagas – Análise de Sistemas, Ciência da Computação, Processamento de Dados, Sistemas de Informação, Informática, Engenharia da Computação, Engenharia de Sistemas ou Engenharia de Redes.

O concurso Anvisa será dividido em quatro etapas:

1ª etapa: Prova Objetiva 2ª etapa: Prova Discursiva 3ª etapa: Avaliação de Títulos 4ª etapa: Curso de Formação

As provas objetivas terão duração de 4 horas e 30 minutos, com data prevista para 21 de abril de 2024. Elas serão compostas por questões de conhecimentos básicos, conhecimentos complementares e conhecimentos específicos.

A prova discursiva será corrigida para os candidatos mais bem classificados na prova objetiva e avaliará o conteúdo e o domínio da escrita em Língua Portuguesa.

O concurso Anvisa representa uma excelente oportunidade para quem deseja ingressar na área de regulação e vigilância sanitária, oferecendo uma carreira estável com salário atrativo e benefícios competitivos. É importante que os interessados estejam atentos aos prazos e requisitos específicos de cada área de atuação para se prepararem da melhor forma possível.

Por Que Agitar a Cola de Cílios: O Segredo para uma Aplicação Perfeita

As extensões de cílios são um truque de beleza que pode realçar o olhar de qualquer mulher, proporcionando um visual deslumbrante e natural. No entanto, para obter os melhores resultados, é essencial entender por que é importante agitar a cola de cílios, especialmente quando se trabalha com produtos de alta qualidade, como as colas hs: cola elite hs 16 e cola elite hs 17, da hs cosméticos.

Por que Agitar a Cola de Cílios?

  1. Homogeneização dos Componentes: A cola de cílios é composta por vários componentes que podem se separar ou sedimentar com o tempo. Agitando a cola antes de cada aplicação, você garante que esses componentes se misturem uniformemente, resultando em uma consistência adequada para a aplicação.
  2. Consistência Uniforme: Quando você agita a cola de cílios, está garantindo que a consistência seja uniforme. Isso é fundamental para evitar variações na aderência dos cílios, garantindo que todos permaneçam no lugar corretamente.
  3. Maximização da Durabilidade: A agitação adequada da cola ajuda a maximizar a durabilidade das extensões de cílios. Isso significa que seus cílios ficarão no lugar por um período mais longo, mantendo o visual deslumbrante por semanas.

Como Agitar a Cola de Cílios:

  • Antes de usar, certifique-se de que a cola esteja à temperatura ambiente. O calor excessivo ou o frio extremo podem afetar a consistência da cola.
  • Agite a cola suavemente, segurando o frasco entre as mãos por alguns segundos. Evite agitar vigorosamente, o que pode criar bolhas de ar na cola.

Conclusão

Agitar a cola de cílios, especialmente quando se trabalha com produtos de alta qualidade, como as colas da hs cosméticos, é um passo essencial para garantir uma aplicação perfeita e duradoura das extensões de cílios. Ao seguir este simples procedimento, você está investindo no seu visual e na qualidade do resultado final.

Concurso Fiocruz 2024: Edital Publicado e Inscrições Abertas para 300 Vagas!

O tão aguardado Edital do Concurso Fiocruz 2024 foi oficialmente publicado, oferecendo 300 vagas para os cargos de Analista de Gestão em Saúde, Tecnologista em Saúde Pública e Pesquisador em Saúde Pública. Os salários, que chegam a R$ 5.735,29, juntamente com benefícios como GDACTSP, Auxílio Alimentação e Adicional de titulação, tornam esta uma oportunidade única para profissionais de nível superior.

Detalhes das Vagas e Salários:

O concurso está distribuído em três editais, cada um com 100 vagas específicas para um cargo, todos destinados a candidatos com formação de nível superior. O salário para todos os cargos é de R$ 5.735,29, com benefícios adicionais conforme a titulação do candidato.

  • Edital 001: Analista de Gestão em Saúde
    • Vagas: 100
    • Salário: R$ 5.735,29
    • Escolaridade: Superior
  • Edital 002: Tecnologista em Saúde Pública
    • Vagas: 100
    • Salário: R$ 5.735,29
    • Escolaridade: Superior
  • Edital 003: Pesquisador em Saúde Pública
    • Vagas: 100
    • Salário: R$ 5.735,29
    • Escolaridade: Superior

Vagas destinadas a pessoas negras:

Candidatos autodeclarados pretos ou pardos têm a oportunidade de concorrer a 20% das vagas, conforme estabelecido pelo Edital, com a possibilidade de heteroidentificação em caso de aprovação.

Benefícios além do salário:

Além dos salários atrativos, os aprovados desfrutarão de benefícios adicionais, como GDACTSP (80 pontos), Auxílio Alimentação e Adicional de titulação, variando conforme a especialização, mestrado ou doutorado.

Requisitos para investidura nos Cargos:

Os candidatos aprovados precisarão atender a diversos requisitos, incluindo nacionalidade brasileira, idade mínima de 18 anos, estar em dia com obrigações eleitorais e militares, entre outros.

Inscrições e Taxa:

As inscrições já estão abertas e vão até 05/03/2024. Para se inscrever, acesse o site da Banca Fiotec/Fiocruz: Inscreva-se aqui. As taxas de inscrição variam de R$ 150,00 a R$ 200,00, dependendo do cargo escolhido.

Isenção da taxa de Inscrição:

Conforme a Lei Federal nº 13.656/2018, candidatos que pertençam à família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) ou sejam doadores de medula óssea reconhecidos pelo Ministério da Saúde podem solicitar isenção total da taxa de inscrição.

Etapas do Concurso Fiocruz:

O processo seletivo compreende diversas etapas, como Prova Objetiva, Prova Discursiva, Projeto de Atuação Profissional e Defesa de Memorial (para Pesquisador) e Análise de Títulos.

Local de Prova:

As provas serão realizadas em diversas cidades do Brasil, como Brasília, Rio de Janeiro e Salvador, entre outras. Acesse o Edital do Concurso FIOCRUZ 2024 para mais detalhes.

Sobre a Fiocruz:

A Fiocruz, vinculada ao Ministério da Saúde, é referência em desenvolvimento científico e tecnológico na área da saúde. Contribua para a promoção da saúde pública no Brasil e faça parte dessa história. Inscreva-se agora e conquiste uma carreira de sucesso na Fiocruz!

Teoria do Crime: Entendendo os Elementos Essenciais em Questões de Direito Penal

A Teoria do Crime é um pilar fundamental do Direito Penal e é frequentemente testada em concursos públicos. Compreender os elementos essenciais do crime é crucial para o sucesso em questões de Direito Penal. Neste artigo, abordaremos a Teoria do Crime, explicando seus elementos-chave e destacando sua importância nas avaliações. Se você está se preparando para concursos que envolvem Direito Penal, continue lendo para aprofundar seu conhecimento nesse tópico fundamental.

Elementos do Crime:

A Teoria do Crime identifica três elementos essenciais: conduta, resultado e nexo de causalidade. A conduta refere-se à ação ou omissão que constitui o ato criminoso. O resultado é a consequência desse ato, e o nexo de causalidade estabelece a relação de causa e efeito entre a conduta e o resultado.

Tipos de Crime:

Com base nos elementos do crime, os crimes podem ser classificados em duas categorias principais: crimes de conduta e crimes de resultado. Compreender essa distinção é fundamental para analisar casos concretos em questões de concursos.

Culpabilidade:

Além dos elementos do crime, a culpabilidade também desempenha um papel importante. A culpabilidade refere-se à capacidade do agente de compreender a ilicitude de sua conduta e de agir de acordo com essa compreensão. Em questões de Direito Penal, a análise da culpabilidade é frequentemente necessária.

Conclusão:

A Teoria do Crime é um conceito essencial em Direito Penal, e a compreensão de seus elementos é vital para o sucesso em questões de concursos. Ao dominar a conduta, o resultado, o nexo de causalidade e a culpabilidade, você estará bem preparado para analisar casos práticos e responder a perguntas relacionadas à Teoria do Crime.

Quem tem direito ao auxílio doença 2024? Lista de regras atualizadas

O auxílio doença é um benefício pago pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a trabalhadores que estão temporariamente incapacitados para o trabalho devido a uma doença ou acidente. 

Esse benefício é fundamental para ajudar o segurado a manter sua renda e arcar com as despesas médicas durante o período em que estiver afastado do trabalho.

Mas quem tem direito ao auxílio doença INSS 2024? É o que abordaremos neste artigo. Acompanhe para saber mais sobre os requisitos necessários para solicitar o benefício!

Quem tem direto ao auxílio doença

Quem tem direito ao auxílio doença?

É necessário preencher 3 requisitos básicos para ter direito ao auxílio doença:

  1. Carência: tempo mínimo pagando o INSS (geralmente, seis meses);
  2. Qualidade do segurado: período no qual o trabalhador tem o direito de pedir o benefício;
  3. Incapacidade laboral: na prática, o impedimento comprovado do segurado de trabalhar exercendo plenamente suas funções.

Alguns casos em que o auxílio-doença não é concedido incluem:

  1. Perda da qualidade de segurado: quando o trabalhador fica mais de 12 meses sem contribuir para o INSS, perde o direito ao benefício.
  2. Segurado recluso em regime fechado: se o trabalhador está em regime fechado, o benefício é suspenso após 60 dias.
  3. Portador de doença/lesão pré-existente à filiação no RGPS: se a doença já existia antes da filiação, não há direito ao benefício, a menos que a incapacidade surja por causa dessa condição.
  4. Incapacidade laboral por menos de 15 dias para segurados empregados: a empresa deve arcar com o pagamento nesse período.

Mudanças no auxílio doença

O auxílio-doença passou por mudanças significativas nos últimos anos. Anteriormente, os contribuintes podiam recuperar a qualidade de segurado após deixar de contribuir por um período e, em seguida, retomar as contribuições por alguns meses. 

Entretanto, em 2019, houve uma alteração nas regras. O governo estabeleceu que o trabalhador precisaria contribuir novamente por mais 12 meses após perder a qualidade de segurado para ter direito ao benefício. 

Mas essa regra foi modificada novamente em junho de 2019, passando a ser necessário apenas 6 meses de contribuição para ter direito ao auxílio-doença após perder a qualidade de segurado.

Momento certo para pedir o benefício

Os trabalhadores que são contribuintes individuais, facultativos, trabalhadores avulsos e empregados domésticos têm o direito de solicitar o auxílio-doença assim que ficarem incapacitados. 

Para segurados empregados, tanto urbanos quanto rurais, é necessário completar 15 dias de afastamento, que não precisam ser consecutivos, mas sim totalizados em um período de 60 dias. É importante lembrar que a carência de 12 meses de contribuição é exigida, exceto nos casos de doenças graves. 

Quando se trata de auxílio-doença acidentário, decorrente de acidente de trabalho, a regra dos 15 dias dentro de um intervalo de 60 dias também se aplica, mas a carência de 12 meses não é exigida. As regras permanecem as mesmas após a Reforma.

Como pedir o auxílio-doença?

Para tentar receber o auxílio-doença é necessário solicitar a perícia médica. No entanto, é importante ficar atento aos requisitos, pois caso contrário, o benefício pode ser negado pelo INSS. 

É possível agendar a perícia por meio da Central Telefônica 135 ou no site do INSS. É comum que os segurados não leiam as informações com atenção ao agendar a perícia, o que pode levar a erros!

Algumas informações essenciais incluem:

  1. data, hora e local da perícia médica;
  2. documentos que você precisa comprovar no dia da perícia;
  3. requerimentos necessários para o procedimento.

Não deixe de seguir essas etapas à risca, sob pena de ter seu auxílio recusado pelo governo! Ah, reúna todos os documentos que o INSS pede antes da solicitação, tais como:

  • Documento de identificação oficial com foto, preferencialmente o mais atualizado quanto possível;
  • Número do CPF;
  • Carteira de trabalho, carnês de contribuição e outras provas comprobatórias;
  • Documentos do hospital que está resguardando seu tratamento, como atestados e exames médicos;
  • Para o empregado: declaração atestada e assinada do empregador, informando a data do último dia trabalhado;
  • Comunicação de acidente de trabalho (CAT), quando for o caso;
  • Para o segurado especial (trabalhador rural, lavrador, pescador etc.): documentos que comprovem sua situação, tais como a declaração de sindicato, contratos de arrendamento etc.

A quem recorrer em caso de problemas com o auxílio-doença?

Caso haja problemas com o auxílio-doença, é recomendável procurar profissionais especializados em direito previdenciário e tabela do INSS pois eles possuem experiência nesse assunto. 

Esses profissionais podem avaliar a sua situação e prever as chances de sucesso em um processo de auxílio-doença. Para encontrar um advogado, você pode pedir indicações de amigos, procurar na internet ou visitar a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) para obter recomendações de advogados especializados em direito previdenciário. 

No entanto, deve-se evitar advogados que resolvem todos os tipos de processos e “procuradores” sem especialização na área, pois um único erro no processo pode ser fatal perante o governo federal e o Ministério da Previdência Social.